sábado, 4 de janeiro de 2014

FOME DE SENTIDO

Exasperada FOME
FULMINANTE
de SENTIDO
DOMINANTE
em meu GEMIDO
SILENCIADO
DIA-a-DIA
TORTURANTE
CONSCIÊNCIA
DORMÊNCIA minha
que ATORDOA
o SENTIR pleno
pelo Qual OREI
nas ENTRELINHAS
de CONVERSAS
PÉ-de-OUVIDO
PEDI COMOVIDO
que a COMODIDADE
Da FLUÊNCIA
em LÍNGUA SÃ
De mini-HOME
não BARRASSE a FOME
DE MAIS

Nenhum comentário:

Postar um comentário