domingo, 1 de setembro de 2013

CINCO PRIMEIROS HAICAIS

i.
Acorda-se o sol.
Faz-se uma nova manhã.
Eu leio o lençol.


ii.
Nada com nada
Do que tanto discursara
Vale mais que estrada.


iii.
Não faço canção.
Não componho melodias.
Risco o coração.


iv.
Métrica e sentido
Voz, vida e pulsação
Esse é meu rugido.


v.
Choros incontidos
A corda tênue rompeu-se
Risos divididos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário